Ads 468x60px

Featured Posts Coolbthemes

sexta-feira, 16 de setembro de 2011

Estádios...Brasil...copa 2014... ~ AP - arquiteturaplus

Estádios...Brasil...copa 2014... ~ AP - arquiteturaplus

|||

|||



indicar...!...indicar no facebook:
|agregadordelinksmais|.|agregador de links|.|saúde|.|enviar links|draft.blogger
adicionar|+Google URL|...
Reade more >>

quarta-feira, 14 de setembro de 2011

amizade

amizade sincera... 


mantenha-se informado
Escreva seu email aqui:




...

Seja o primeiro a comentar!

Postar um comentário


Comente este artigo!
Preferindo ASSINE NOSSO FEED!
- É grátis! -
Você estará informado sobre últimos artigos .
Ou Entre em Contato!

...♥ ... ♥ ... ♥... 832f70e3e72d41f0a1cebee272a83e15 ...

http://mensagensdiversificadas.blogspot.com

Share/Bookmark





2leep.com
Reade more >>

você sabia que calor dos dedos pode revelar senha?

 Câmera digital capta o calor deixado nas teclas
 
 
Calor dos dedos pode revelar senha
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Calor dos dedos revela senha

A senha secreta que os clientes inserem quando vão ao banco pode ser detectada por meio do calor dos dedos que fica no teclado, afirma um grupo de pesquisadores da Universidade da Califórnia, em San Diego.



O artigo foi apresentado no início do mês no Workshop USENIX de Tecnologia de Ataque e demonstra que uma câmera digital infravermelha consegue registrar os números mais de 80 por cento das vezes se usada imediatamente após a digitação. 

Além disso, segundo Keaton Mowery, doutorando em ciência da computação da universidade, se for usada 1 minuto após a digitação, a câmera ainda consegue detectar os números corretos 50 por cento das vezes.
O estudo foi conduzido por Mowery, Sarah Meiklejohn, sua colega na universidade, e pelo professor Stefan Savage e baseia-se no trabalho do reconhecido pesquisador de segurança Michal Zalewski. 

Em 2005, Zalewski ele usou uma câmera infravermelha para detectar os códigos do teclado um cofre fechado. Embora Zalewski tenha conseguido detectar os códigos 5 minutos após a digitação, os pesquisadores envolvidos no estudo descobriram que as chances de extrair o número correto diminuem 20 por cento após 90 segundos.


O método de detecção com infravermelho contorna estratégias de defesa, como o ato de cobrir o teclado. Porém, para evitar que sua senha seja descoberta, o usuário de caixa eletrônico pode simplesmente colocar a mão inteira sobre o teclado todo, para aquecer todas as teclas, afirma Mowery. 

Outra forma de interferir na leitura consiste em inserir outros números no mesmo teclado, como por exemplo, a quantia a ser sacada. 

O método possui outros pontos fracos.


``Se o teclado for de plástico, é possível descobrir com segurança quais botões são pressionados, sendo porém muito difícil determinar a sua ordem’', afirma Mowery . 

Mesmo quando a imagem foi gravada imediatamente após a digitação, só foi possível descobrir a ordem dos números 20 por cento das vezes.


Porém, se o teclado for de metal, não vale o empenho. 

``Basicamente, se a câmera for apontada diretamente para um teclado de metal, ela exibe a impressão digital térmica do operador da câmera e não do teclado’', afirma Meiklejohn.

``Contudo, não continuamos, porque com o teclado de plástico funcionava. É possível que outra pessoa consiga resolver esse problema’', afirma.


A todos esses pontos fracos soma-se mais um: o aluguel de uma câmera infravermelha como essa custa, nos Estados Unidos, US$ 2 mil (cerca de R$ 3.300) e ela é vendida por US$ 18 mil (na casa de R$ 29.700), afirma Zalewski.

“As câmeras de luz natural são muito mais simples e seguras”, afirma. “E o assalto, também”, ironiza.


The New York Times News Service/Syndicate - Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização por escrito do The New York Times._NYT_
 
fonte:
indicar...!... indicar no facebook:
|agregadordelinksmais|.|agregador de links|.|saúde|.|enviar links| draft.blogger
adicionar |+Google URL| ...
Reade more >>

terça-feira, 13 de setembro de 2011

Itália detém queda de bolsas da Ásia/ Rendimento de bônus italiano registra alta recorde




Itália detém queda de bolsas da Ásia






Itália segura queda de bolsas da Ásia, mas cautela continua


CINGAPURA (Reuters) - As bolsas de valores asiáticas fecharam sem direção comum nesta terça-feira, com a notícia de que a Itália poderia ter ajuda financeira da China gerando cobertura de posições vendidas, mas sem aliviar temores de que a Europa esteja entrando em uma nova crise bancária.
As expectativas crescentes de um calote da dívida da Grécia, o forte declínio das bolsas europeias e a disparada dos juros dos bônus da Itália manteve frágil a confiança dos mercados na Ásia. Por isso, as alta devem ser temporárias.
O índice de Tóquio avançou 0,95 por cento e o de Sydney ganhou 0,85 por cento.
Já o índice MSCI da região Ásia-Pacífico com exceção do Japão caía 0,55 por cento. O MSCI está quase 20 por cento abaixo da máxima do ano atingida em abril. Uma queda de 20 por cento ou mais é a definição costumeira de um mercado pessimista.
O Financial Times noticiou que a Itália pedira para a China fazer compras 'significativas' de dívida do país. O custo de financiamento do governo italiano disparou nas últimas semanas, por dúvidas sobre a vontade política em Roma para combater o elevado nível de endividamento público.
A Grécia, por sua vez, alertou que ficará sem dinheiro para se financiar no mês que vem sem a próxima parcela de empréstimos internacionais.
A bolsa de Taiwan retrocedeu 2,88 por cento, enquanto o índice referencial de Xangai perdeu 1,06 por cento. Cingapura terminou em baixa de 0,52 por cento.
(Por Alex Richardson)

fonte:
dinheiro.
http://mybusiness3.blogspot.com/
indicar...!... indicar no facebook:
|agregadordelinksmais|.|agregador de links|.|saúde|.|enviar links| draft.blogger
adicionar |+Google URL| ...
Reade more >>

postar grátis

Classificações e resenhas:







indicar...!... indicar no facebook:
|agregadordelinksmais|.|agregador de links|.|saúde|.|enviar links| draft.blogger
adicionar |+Google URL| ...
Reade more >>

inscreva-se

inscreva-se:









indicar...!... indicar no facebook:
|agregadordelinksmais|.|agregador de links|.|saúde|.|enviar links| draft.blogger
adicionar |+Google URL| ...
Reade more >>

membros

membros:






recents visitors:









indicar...!... indicar no facebook:
|agregadordelinksmais|.|agregador de links|.|saúde|.|enviar links| draft.blogger
adicionar |+Google URL| ...
Reade more >>

pesquisar▼

Reade more >>

segunda-feira, 12 de setembro de 2011

Dólar fecha acima de R$ 1,70


Dólar fecha acima de R$ 1,70




Dólar fecha acima de R$ 1,70

Governo não descarta novas medidas caso Grécia anuncie calote


O governo brasileiro está acompanhando com muita preocupação a crítica situação da Grécia, os reflexos desta crise na economia europeia e como o Brasil poderá ser atingido. Na reunião de coordenação política do governo realizada na manhã desta segunda-feira no Planalto, comandada pela presidente Dilma Rousseff, o ministro da Fazenda, Guido Mantega, falou sobre o medo do calote da dívida, sobre a subida do dólar, a reação do mercado, a queda das bolsas no mundo todo, que seria a maior demonstração do temor de que Atenas entre em default, arrastando bancos das economias europeias para o buraco.
Neste momento, mais precisamente esta semana, segundo disse Guido Mantega na reunião de coordenação, o governo não prevê nenhuma medida econômica a ser adotada para conter os efeitos da crise grega. Mas não descartou que, em caso de confirmação desse default, seja possível a adoção de novas medidas pela presidente Dilma Rousseff. Avisou que o tema será acompanhado passo a passo, com a maior atenção possível.
Na reunião, Mantega citou ainda que o Banco Central brasileiro não conta com a moratória grega, que representaria um impacto enorme sobre a economia doméstica, embora, neste momento, menor do que os problemas enfrentados com a crise em 2008. Mas a expectativa é de que esta crise, na região, será mais longa e mais grave.
Há uma preocupação adicional, conforme avaliou Mantega, dos reflexos da crise da Grécia em outros países europeus, a começar pelos franceses, que teriam influência no resto da região. Este momento, conforme avaliou, seria semelhante à de abril do ano passado. E se a Grécia entrar em inadimplência, com certeza, vai arrastar consigo outros países como Portugal, Irlanda, Itália e Espanha.

fonte:
estadao.  indicar...!... indicar no facebook:
|agregadordelinksmais|.|agregador de links|.|saúde|.|enviar links| draft.blogger
adicionar |+Google URL| ...
Reade more >>

indicar












indicar...!...



indicar no facebook:





|agregadordelinksmais|.|agregador de links|.|saúde|.|enviar links|

draft.blogger








adicionar


|+Google URL|

...



Reade more >>